sábado, 24 de maio de 2014

Arrastando daqui para ali...

Com os novos/velhos móveis que recebemos cá em casa, tenho procurado a melhor solução para os colocar no lugar certo. Confesso que tenho alguma dificuldade em abdicar de algum porque gosto mesmo muito de todos. Não costumo ser assim, mas desta vez a coisa tem-se complicado.

Inicialmente e quando acrescentámos a parede da sala, coloquei a mesa nossa mesa de jantar e o respectivo aparador.


E o aparador branco ficou na cozinha. Finalmente retirámos a mesa de refeições minúscula que ainda assim nos roubava tanto espaço.



Até aqui tudo bem...
Depois com a mesa mais estreita fui tentado várias possibilidades e não acertava com nenhuma. Todas me pareciam esquisitas e desenxabidas. Claro que mudei tudo isto sozinha (o meu marido já nem me podia ouvir) coloquei até a parte superior da vitrine em cima do aparador e imaginei tudo de branco. 
Gosto tanto dos meu candeeiros que não os posso manter guardados, e só gosto de os ver em cima do aparador branco, parecem feitos para lá.




Farta disto tudo, arrumei com o assunto.





A mesa de jantar branca fica guardada e mantêm-se minha, porque ainda não perdi a esperança de um dia ter uma casa grande. Com esta, consegui colocar um cadeirão antigo da avó do meu marido e assim oferecer mais um lugar sentado na sala. Ainda não gosto de ver a vitrine escondida porque tem um trabalhado muito bonito nas gavetas e assim não se vê. Já pensei colocá-la aqui também...




Este tipo de coisas pode fazer uma confusão enorme na cabeça de muita gente, na minha não faz absolutamente nenhuma! Gosto de mudar a casa, gosto de mudar as divisões vezes sem conta e deixar ficar dois ou três dias a ver se me habituo à ideia e ao espaço. Se não for o caso, arrasto tudo novamente.

22 comentários:

manuela carvalho disse...

As casas com alma são assim!! E a sua é certamente uma casa com alma, como eu gosto:) Bom fim de semana, Manuela

Anónimo disse...

Olá!
E que tal pintar a "nova" mesa de branco e a vitrine também de branco. Só ganharia com isso um ambiente mais arejado e a pintura branca em móveis antigos realça o trabalhado. E se forrar o interior da vitrine com papel de parede no tom dos abat jours a ligação fica perfect :)
Beijinho e continuação de boas alterações
Didi

Maria disse...

Também tive de integrar móveis antigos na minha casa não há muito tempo...não foi fácil mas consegui uma harmonia razoável :)
Passei por acaso mas gostei e vou voltar!
Beijinhos
Maria

Paula_2700 milhas disse...

A mim não me faz confusão porque também sou assim. Arrasto os móveis e mudo as coisas as vezes que forem precisas até me convencer :)
Vais pintar a mesa e a vitrine de branco?

Helena Gonçalves ou Lenny disse...

Olá Lúcia, aos poucos tudo se compõe. E o resultado... Perfeito!
Também acho que a mesa e a vitrina ficavam muito bem em branco.
Beijinho:)

Lucia Silva disse...

Obrigada querida Manuela :)
Um beijinho, bom fim de semana

Lucia Silva disse...

Olá Didi :) pois a ideia da vitrine branca e o papel no fundo já estava na minha cabeça ;p) a mesa é que ainda estou a ponderar, como diz a Manuela a madeira é sempre nobre. Obrigada pelo seu comentário e seja sempre bem-vinda, um beijinho

Lucia Silva disse...

O importante é que conseguiu Maria!!
Obrigada pelo seu comentário :) um beijinho e volte sempre

Lucia Silva disse...

Eu sabia que tu me compreendias Paulinha :)
A mesa ainda não sei... mas a vitrine sim!
Beijinho grande

Lucia Silva disse...

:) Obrigada Lenny um beijinho grande

Tons Neutros disse...

Gosto de ver os candeeiros em cima do aparador parece que foram comprados para lá.

PINTA ROXA disse...

Faço o mesmo. Nada fica muito tempo no mesmo lugar...
Agora só falta mesmo a tinta branca...

Anónimo disse...

Talvez por não estar a visualizar a "coisa" final, acho que antes a sua sala estava mais bonita, mais ponderada, sinceramente não gosto mesmo nada de ver os candeeiros ao lado do LCD e sua mesa quadrada é de facto linda, mais do que esta (minha opinião), não me leve a mal! :)

Beijinhos

Val disse...

Olá Lucia, tb arrasto muitos moveis por aqui. E tenho alguns guardados, e vou variando. Guardo um, volta outro....
Gosto muito dessa mesa no tom da madeira. É uma peça de "peso". Não a pintaria. E gostei de ver a vitrine ao lado do sofá. Será que ocupa muito ali a passagem? enfim, beijinhos e boas trocas e baldrocas. !!!

Lucia Silva disse...

Eu também :)

Lucia Silva disse...

É verdade Pinta :)

Lucia Silva disse...

Obrigada pela sua opinião Anónima ;) não levo nada a mal
Beijinhos

Lucia Silva disse...

Obrigada Val, de facto a mesa é bastante imponente na cor da madeira cada vez me convenço mais. A vitrine ao lado do sofá também foi onde gostei mais, mas como ainda é um pouco alta "corta-nos a passagem" se é que me entende :)
Em todo o caso ainda nada está terminado cá em casa. Ehehe eu também de vez em quando guardo uns e mostro outros! Quando morava perto da minha mãe então era cá uma troca/troca :)

Beijinhos

Angélica D disse...

A mi me gustan a veces en contraste con el blanco esos muebles que tiene usted en color madera !! La madera es siempre noble y linda

Maria João disse...

Olá Lúcia,
Gosto muito de ver o contraste da mesa escura com as cadeiras brancas, assim como gosto de ver o louceiro ao lado do sofá. Acho que por trás da mesa, se perde um bocadinho.
Quer no caso da mesa, quer do louceiro, não os pintaria.
Bjs,
MJ

Anónimo disse...

Eu quando olho para a sua sala ou ate para a sua casa, no sei todo, acho que tem peças antigas fantásticas , os seus trabalhos de reciclagem são óptimos, mas ha algo que não gosto de ver e quanto mais olho mais me convenço .... O problema da sua sala não é a vitrine e a mesa estarem castanhas ou brancas porque ate como são estão bonitas, o que não joga visualmente é o sofá... A decoração é rústica , lindíssima e o sofá é pesado, de cor escura, com linhas muito direitas e não favorece a sala , ainda por cima sendo o chão de tijoleira. Um sofá claro com capas laváveis seria a minha opção na sua sala. Espero que não leve a mal . Beijinhos , Sofia

Lucia Silva disse...

Olá Sofia, não levo nada a mal... eu própria não gosto dele! Isto foi apenas para descargo de consciência, deixei que o meu marido ficasse contente com o seu sonho de um sofá em pele preto. Não era nem nunca foi o sofá que eu escolheria (apesar de dar imenso jeito com crianças). Um dia ... terei duas salas e coloco este numa sala contemporânea só para ele.
Gostava muito de um sofá clarinho com o Ektorp da ikea ou outro mesmo com linhas mais direitas, mas sempre clarinho e com capas laváveis.
Entretanto vou tentando com almofadas de tons claros e até mantas....
Homens!!

:) beijinhos