segunda-feira, 24 de outubro de 2016

Verão 2016


Este ano fomos acampar pela primeira vez com a Victória, a Catarina também já não ia há bastante tempo mas tanto eu como o meu marido acampámos muito quando éramos miúdos. Acho piada a pessoas que o fazem anos e anos a fio, muitas até sempre no mesmo parque... isso para mim deixou de acontecer desde que deixei de andar de mota.
Quando casei e o jeitoso tirou a carta deixámos os parques de campismo, não deixa de ser curioso, dois malucos em cima de uma mota (pequena que não havia dinheiro para mais) com mochilas, sacos camas e tenda. Bem, na verdade nessa altura é que não havíamos mesmo escolher fazer férias em parques de campismo, mas éramos jovens e achávamos que aquilo é que era giro ah e também não havia dinheiro para mais.
Conhecemos alguns parques, mas o que íamos com mais frequência era o de S. martinho do porto mesmo em frente à baía nem precisávamos de mais. Ainda hoje é uma das nossas praias preferidas.

Ainda não perdi a esperança de ter uma autocaravana ou uma autovivenda, nessa altura torno a correr as praias, voltar a dormir no chão não me parece que vá acontecer já a seguir.

Este ano escolhemos o parque de campismo de Sesimbra outra das praias que adoro e já não ia há muitos anos, penso que a última vez foi ainda com o meu pai.
Um dia estava eu e ele num daqueles barquinhos de borracha, ele muito grande e gordo, eu trinca espinhas e sem saber nadar, quando já longe do pontão ele pára de remar e em quanto esfrega o bigode diz-me:
- "Olha acho que o barco está roto..." - Imaginam o meu pânico, eu sou daquelas pessoas super calmas.
- "Está roto?? E agora, vamos morrer!?? Eu não sei nadar!" - estou prestes a saltar para o colo dele a pedir os meus últimos desejos e ele começa a remar cheio de força, com aquela barriga enorme, até a um dos barcos atracados. Como o barco se estava a aguentar diz que vai continuar sempre perto dos barcos e se for ao fundo eu salto para um dos barcos e espero por ajuda.
Vi a minha vida a andar para trás, mas lá me aguentei.

Voltei lá este ano com as minhas filhas, o meu marido e a minha sogra (nem sei como se aguentou a dormir numa tenda, mas para passear ela aguenta tudo!)














A zona é linda, a praia é fantástica, a noite animada, só o parque de campismo podia ser melhor... nem tudo pode ser bom, mas adorei o facto de ter em letras bem grandes "Este parque tem livro de elogios".

Nestes dias ainda tive oportunidade de conhecer mais uma "blogamiga" desde os primeiros anos do blog e estivemos as duas grávidas prácticamente ao mesmo tempo. E não tirámos uma única foto Patrícia!

A nossa tenda, levei lençóis e almofadas, óbivo. E se eu estranhei a cama e mal consegui dormir, ela então dormiu como um anjo.




A água é óptima como se quer, limpa nem muito fria nem quente, a areia fina o único senão é o estacionamento... uma praia assim todos querem.
Não sou pessoa de ir todos os anos para o mesmo sítio, gosto de conhecer o nosso país e nem sequer tenho a ambição de passar férias no estrangeiro enquanto tiver ainda tanto a conhecer por aqui.







 Nota mental, o cabelo dela só lhe fica bem a ela...


Passamos sempre por algumas birras, faz parte...


Foi também neste verão que a Vi furou as orelhas.















 O post já vem tarde, bem tarde, mas gosto de ler o meu blog recordar onde fui feliz e ver o quanto as minhas filhas crescem.




4 comentários:

faz bem aos olhos disse...

Que bom Lúcia! Nada melhor do que umas excelentes férias em família em sítios que gostamos de voltar a visitar. Eu sou campista e digo-te que o faço desde os meus sete anos de idade (nessa altura com os meus pais, óbvio) Adoro acampar, na rulote, em tenda, em auto-caravana, tanto faz, desde que acampe. Conheço os parques que referes, não pertencem à lista dos meus favoritos, mas os sítios onde ficam são muito bonitos, sem dúvida. Sabes, apesar dos meus 48 anos não me consigo imaginar a fazer férias de outra maneira e já tentei várias vezes, mas não sabe ao mesmo. Conheço centenas de parques, por cá e pela Europa e, para mim, não há melhor forma de lazer, é revigorante ;) beijinhos

Maria João disse...

É sempre bom recordar nem que seja apenas semanas após...

Angélica D disse...

Hola lucia querida ,, ya empezó el verano por allá . . ...? El calor ya empezó? Nosotros tenemos verano en enero y febrero

Carina disse...

As meninas estão enormes. A Catarina já está uma mulherzinha!
Felicidades